top of page
  • Foto do escritorLuiz Gustavo

Saiba das mensagens falsas sobre o coronavírus espalhadas através da internet

Considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma emergência de saúde internacional, o coronavírus não só desperta apreensão da população no mundo inteiro como, também, curiosidade.Há muitas mensagens falsas, as famosas fake news.

1. Britânico que curou coronavírus com uísque e mel

Entre as mensagens espalhadas indiscriminadamente, a mais recente fala sobre a cura da infecção com um método bem simples. Mas não houve milagre, nem cura por enquanto, porque nenhum remédio ainda foi capaz de prevenir a infecção pelo coronavírus.

2. Receita de óleos para combater coronavírus

Uma mensagem repassada através das redes sociais mostra a receita de um óleo supostamente antiviral, que protegeria contra o novo coronavírus. Segundo o Ministério da Saúde, a mensagem é falsa. Afinal, até o momento, não há nenhum medicamento que possa prevenir a infecção pelo novo coronavírus.

3. Chá imunológico ou combinação de vitaminas

A imunidade pode aumentar quando a alimentação é balanceada, quando vitaminas são ministradas com supervisão de médicos ou até mesmo com alguns chás, mas nada ainda foi comprovado como prevenção ou combate para o novo vírus.

4. Pesquisa de universidade brasileira descobre novos sintomas

Mensagens atribuem estudos que falam sobre novos sintomas do coronavírus à pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Segundo o MS, a UFRJ não não tem condições técnicas para realizar uma pesquisa desse gênero, porque o vírus nem sequer chegou ao Brasil.

O MS também desmente os sintomas indicados na falsa mensagem: "Além disso, não há evidências científicas de que o novo coronavírus provoque esses danos cerebrais".

5. Mortes por coronavírus no Brasil

A mensagem diz que o governo brasileiro esconde a verdade sobre o vírus. E cita o dia 26 de janeiro como base para os dados falsos divulgados na mensagem, o que não é verdade. O Ministério da Saúde informou que, até dia 29 de janeiro, foi notificado sobre nove casos suspeitos do novo coronavírus no Brasil.

É na China que estão concentrados os casos confirmados da doença. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), foram identificados 6.065 casos do novo coronavírus no mundo, sendo 5.997 na China.





3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page